O leopardo, a capivara e a plantinha!

Entender a cadeia alimentar de forma lúdica e divertida .Foi assim que a professora Renata Sarkis, responsável pela disciplina de APEA – Aula Prática de Educação Ambiental, apresentou ao maternal o ciclo vital do ecossistema. Para tanto, a docente apostou na divertida brincadeira do pega-pega, no gramado do INSP. Correndo atrás de seus respectivos alimentos,  as crianças encenaram todo o processo alimentar, desde os produtores (as plantas), até os consumidores secundários (os leopardos).

Depois desse momento inicial, a professora Renata sentou com os alunos e explicou os motivos de cada personagem estar ali e porque os animais carnívoros precisam comer outro bichinho para sobreviver. “Os animais precisam de energia, e essa energia vem dos alimentos. No caso das plantas, que são as produtoras, a energia vem do sol. Já as capivaras, precisam comer as plantas para conseguir sua energia e os leopardos a conseguem comendo a capivara”, explicou a professora.

Dando continuidade ao trabalho, o Jabuti que mora no Mini Zoo do INSP, e é um dos animais estudados em sala, ganhou uma festa!

“A importância de trabalhar o concreto nessa faixa etária, tendo contato com os animais, faz o aluno vivenciar as explicações de sala de aula, enriquecendo o conhecimento.Esse tipo de atividade estimula a criatividade das crianças, além de ilustrar o conteúdo aprendido em sala de aula de uma forma mais dinâmica e, ao ar livre, potencializando a aprendizagem, saindo do tradicional. É a união entre diversão e aprendizado, na prática”, explica Renata.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.

Fale conosco.
Fale com a gente!
Olá, em que posso lhe ajudar?