Uma aula de olho no céu

Quando olhamos para o céu, o que vemos? Para os estudantes do 4º ano do Ensino Fundamental que participaram da aula de campo no Planetário do Rio de Janeiro, a resposta a essa pergunta pode desdobrar-se em muitas informações.

A aula de campo, somente por sua dinâmica, já é um grande estimulador da curiosidade. Quando acontece em locais que possuem um programa específico como as dinâmicas sobre os movimentos da Terra e as fases da Lua, por exemplo, os estudantes, além de interessarem-se mais pelo conteúdo, tem a assimilação dele favorecida.

Após as dinâmicas e as explicações dos monitores, a sessão na cúpula, simulando o céu estrelado, possibilitou aos estudantes “viajarem” pelo espaço com imagens em 360º e também conhecerem mais de perto o universo. Dentre várias curiosidades astronômicas, as crianças aprenderam que o nome Planetário deve-se ao aparelho que projeta o céu na cúpula.

A Fundação Planetário, localizada na Gávea, integra em suas atividades Astronomia e suas Ciências Afins de forma inovadora com exposições, exibições e experimentos interativos. Os programas de visitação de escolas proporciona verdadeiras aulas relacionando e ampliando o conteúdo de sala de aula. “Eu gostei mais da parte em que estávamos na cúpula vendo o céu pois gosto muito de Astronomia”, relata o aluno Marcelo Henrique Bergamini. Muito provavelmente, o estudante, quando estiver nos anos finais do Ensino Fundamental, será um dos integrantes do projeto AstroMax que incentiva os alunos a participarem da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. Já a aluna Gabriela Loureiro Peleteiro, resumiu a importância desse tipo de aula. “Indo ao Planetário, nós aprendemos muitas coisas sobre os planetas, muitas delas vimos nas aulas de Ciências, mas algumas descobrimos aqui”, explica referindo-se às curiosidades que aprenderam sobre o Sol e Lua. Para o aluno Henrique de Azevedo Dias Gomes, descobrir que planetas e estrelas possuem tempo de vida foi o fato mais curioso da aula, “todo mundo ficou comentando”, relata.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.

Fale conosco.
Fale com a gente!
Olá, em que posso lhe ajudar?